Opções para curtir o verão por aqui

Da edição
por: Rosana Wessling
Data: 03/01/2019 | 10:00

Opções para curtir o verão por aqui

Nem só de praia e viagens vive o verão. Se a grana está curta para sair da cidade ou aquele sonhado passeio não será possível, por enquanto, isso não é motivo para não aproveitar o período de descanso.

À primeira vista, passar as férias "cozinhando" em Venâncio Aires pode parecer chato, mas, antes de torcer o nariz, que tal conhecer as opções que a cidade oferece? Nesta edição, apresentamos alguns pontos turísticos do município - a maioria deles, gratuitos - que são alternativa para aproveitar as horas de folga em contato com a natureza e as belezas do interior, seja em um piquenique, um tour de bicicleta, moto ou carro.

Além disso, compartilhamos histórias de um grupo de amigos que aproveita para conhecer o município e desfrutar das horas de folga de bike. Que tal se inspirar no exemplo deles para curtir o verão? Boas férias!

Foto: Arquivo Pessoal / DivulgaçãoCiclistas percorrem o interior e aproveitam para curtir a paisagem
Ciclistas percorrem o interior e aproveitam para curtir a paisagem

Férias sem sair da cidade também são férias

Aproveitar os momentos de folga é sinônimo de pedalar pelo interior do município, para as integrantes do Corujas Bikes Girls. Há cerca de um ano, esposas e namoradas de integrantes do grupo de ciclistas Corujas Bikes se uniram para dar início ao hobby já praticado pelos meninos.

De lá para cá, não pararam mais: todos os sábados pela manhã, até 11 meninas se encontram para percorrer diferentes localidades do município. "Saímos para conversar, para espairecer, enquanto pedalamos. É impressionante a beleza do interior de Venâncio", afirma a vendedora autônoma Tassiana Andressa Kaufmann, 32 anos.

Linha Brasil, 17 de Junho e Tangerinas, além de pontos como a Cascata Chuveirão, Monte Belo e o mirante Lauro Erdmann, em Vila Deodoro, já entraram no roteiro das gurias. "Temos um grupo no WhatsApp e combinamos por ele para onde vamos. Em média, percorremos de 20 a 30 quilômetros, mas vamos devagar, para acompanhar quem está começando, para que não desista", destaca Tassy. Em algumas ocasiões, elas também pedalam na companhia dos meninos do Corujas Bikes.

Para Tassy, é possível, sim, aproveitar as férias desfrutando das belezas de Venâncio e aliando saúde e lazer. "Diferente de ciclistas de outras cidades, aqui podemos aproveitar o interior. Mesmo com estrada de chão, é muito melhor, pois respiramos ar puro e vemos toda essa beleza. O mirante em Vila Deodoro remete muito à serra gaúcha", considera.

Foto: Juliana Bencke / Folha do MateMirante, em Vila Deodoro, é um dos locais onde é possível fazer um piquenique e aproveitar a vista
Mirante, em Vila Deodoro, é um dos locais onde é possível fazer um piquenique e aproveitar a vista

O ponto turístico citado por Tassy é um dos empreendimentos que integra a Rota do Chimarrão Verão. Além do mirante, o roteiro inclui o Cerro do Baú, em Vila Arlindo; a Figueira Centenária, em Linha Silva Tavares; e o Parque Aquático Balneário Paraíso, em Linha Brasil.

A coordenadora do Departamento Municipal de Turismo, Angélica Diefenthäler, explica que o projeto turístico terá passeios todos os domingos, mas as pessoas também podem ir por conta, em qualquer dia da semana.

Para Angélica, a rota é uma ótima opção para os passeios de carro ou de bike com a família e amigos. "Todos os empreendimentos estão ligados ao verão e o único local que tem a cobrança de ingresso é o Balneário Paraíso, que conta com um parque aquático e uma infraestrutura para passar o dia."

Ela também lembra que os empreendimentos estão aptos a receberem os turistas para um piquenique. "Na Figueira Centenária, em Linha Silva Tavares, temos várias opções de trilhas com cascatas. Outro local apropriado para esses dias de calor é a Cascata Chuveirão, cujo tarifário é bem em conta também e tem infraestrutura para passar o dia, como churrasqueiras", sugere.

Foto: Alvaro Pegoraro / Folha do MateBanho na Cascata Chuveirão é opção para se refrescar
Banho na Cascata Chuveirão é opção para se refrescar

 

Para curtir o verão em Venâncio

- Andar de bike pelo interior

- Fazer trilhas e aproveitar as cascatas na Figueira Centenária

-Ver Venâncio "de cima" no mirante de Vila Deodoro e no Cerro do Baú

- Aproveitar o dia no Balneário Paraíso, em Linha Brasil

- Tomar banho de cachoeira na Cascata Chuveirão

- Participar do Tour de Observação Astronômica no dia 12 (inscrições no Centro de Atendimento ao Turista)

- Tomar chimarrão e bater papo no gramado da Igreja São Sebastião Mártir

- Fazer piquenique, andar de skate e caminhar no Parque do Chimarrão

 

Que tal uma viagem histórica?

Viajar no tempo" é uma das opções para quem deseja ampliar o conhecimento histórico e cultural de graça, sem precisar sair da cidade. O Museu Municipal de Venâncio Aires é um dos pontos turísticos do município abertos para visitação.

Além de atrair os moradores da Capital Nacional do Chimarrão, no período de férias, o local desperta curiosidade dos turistas que vêm conhecer a cidade ou retornam para visitar familiares e amigos.

O Museu está aberto para visitação, de terça a sexta-feira, das 14h às 17h, até o dia 18. Depois do recesso, reabre a partir da segunda quinzena de fevereiro, com uma nova exposição.

Foto: Cristiano Wildner / Folha do MateMuseu está aberto de segunda a sexta-feira, durante a tarde
Museu está aberto de segunda a sexta-feira, durante a tarde

O que ver no museu

- Coleção de moedas antigas

- Sala "Retomando a Infância", com brinquedos de diferentes épocas

- Exposição fixa do museu, que conta a história do patrimônio histórico cultural

- Departamento de comunicação

- Acervo indígena

 

Mais de 30 mil livros à disposição

Com as férias, dá para reservar um tempinho para aquela leitura "água com açúcar" ou dar início àquele série de mistério ou aventura. Para isso, basta ir até a Biblioteca Pública Municipal Caá Yari, para conferir o acervo, que conta com mais de 30 mil obras.

Para fazer uma carteirinha para a retirada dos livros é preciso apresentar documento de identificação, comprovante de residência e pagar R$ 5. O leitor pode levar para casa duas obras, que devem ser renovadas a cada 14 dias.

Se o livro não estiver à disposição, é só deixar o nome na lista de espera que os funcionários da biblioteca entrarão em contato. O atendimento ocorre de segunda a sexta-feira das 8h às 18h, com horário diferenciado nas quartas-feiras, das 10h às 18h.

 


Fisk