Eu escolhi Nutrição: o depoimento de quem acredita que uma alimentação saudável pode ser o melhor remédio

Da edição
por:
Data: 12/03/2017 | 15:30

Com o desejo de ajudar as pessoas a perceberem que comer de forma correta pode ser muito prazeroso e gostoso, e, também, ajudá-las a tornar isso um hábito, a estudante Laura Walker, 20 anos, escolheu cursar Nutrição. No quinto semestre do curso na Universidade de Santa Cruz do Sul (Unisc), ela relata que muitas doenças, como diabetes e hipertensão, podem ser evitadas apenas com uma alimentação saudável, sem o uso de medicamentos.

'Para mim, o prazer de cursar Nutrição está em saber que, com meus conhecimentos, posso melhorar a vida de uma pessoa, tanto física quanto patologicamente', afirma Laura.

Foto: Divulgação / Arquivo Pessoalhjkhjkhj

Para a estudante, o diferencial do profissional de Nutrição está em justamente ter a capacidade de fazer as pessoas sentirem-se bem consigo mesmas. 'Se o objetivo for perder peso, o nutricionista irá calcular a dieta ideal, a fim de fazer você perder gordura e não músculos', comenta. Laura ressalta, ainda, que 'perder peso' não significa 'passar fome' ou deixar de fazer alguma refeição. 'Pelo contrário, para perder peso, é preciso adicionar alimentos entre as refeições, de três em três horas', indica.

>> Por que a Unisc?

A escolha da universidade também é uma parte importante na trajetória acadêmica. Segundo Laura, na área da saúde, por exemplo, a Unisc oferece inúmeras oportunidades aos estudantes, como o Serviço Integral de Saúde (SIS), que atende a comunidade de Santa Cruz do Sul. Aliás, é no SIS que os alunos da área da saúde têm a chance de atuar, como serviço escola, convivendo, assim, com os pacientes e aprendendo, cada dia mais, sobre a futura profissão.

'Gosto muito da Unisc, porque a universidade tem muitos recursos, saídas de campo, estágios, projetos, ótimos professores e materiais de ensino, o que faz com que aprender se torne muito prazeroso', acrescenta Laura.